selo

Marketing

08/05/2017
Conheça o profissional do profissional do “novo marketing” que está revolucionando o mercado

 

O Dia do Profissional de Marketing é comemorado anualmente em 8 de maio. A data tem o objetivo de homenagear os profissionais responsáveis em criar e vender ideias, além de desenvolver estratégias e projetos que ajudam a movimentar e melhorar a competição no mercado de trabalho.

Para celebrar o dia, conversamos com os diretores da Maio Marketing – empresa sediada em Belo Horizonte - Daniela Guerra e Frederico Conte, sobre a função do profissional do “novo marketing”, que está revolucionando a área.

Quais as características do novo conceito de marketing?

Daniela: O atual contexto do marketing é caracterizado por alta complexidade em função do volume de dados, mundo digital com surgimento de diversos novos canais e consumidores mais exigentes, além de uma crescente pressão por resultado dentro das empresas.

 

Como o profissional de marketing deve se adaptar ao novo conceito?

Frederico: Big data, gestão de dados, automação, mensuração, modelos preditivos e outros termos já fazem parte do dia a dia do marketing. Porém, não basta entender os conceitos, é preciso acompanhar a evolução de suas aplicações, que se refinam a todo momento e afetam de maneira crescente os negócios. Nesse cenário em constante transformação, o profissional de marketing precisa se desenvolver cada vez mais e mudar seu modo de atuar. O marketing de dados veio para ficar. No atual cenário, todo gestor de marketing é, automaticamente, também um gestor de dados e experiência do cliente e deve utilizar a tecnologia como um facilitador do seu trabalho. E a empresa que não conseguir entregar experiências de consumo personalizadas, multicanal, baseadas em análise de informações e retroalimentadas pela mensuração de resultados, ficará para trás numa competição que evolui com velocidade algorítmica.

 

E qual é o papel do novo gestor de marketing?

Daniela: É orientar os esforços da área para garantir que os atuais sistemas e aplicações possam gerar inteligência estratégica, trazendo resultados concretos para o negócio. Mais importante do que nunca, e com mais responsabilidades, o líder de marketing precisa assegurar que sua equipe e seus fornecedores serão capazes de utilizar os dados a favor da empresa, proporcionando as experiências de consumo e interação únicas que podem ser desenvolvidas a partir do conhecimento profundo do perfil e comportamento do cliente. A hipersegmentação, individualizada e baseado em dados concretos, é uma das muitas possibilidades e cabe ao gestor de marketing direcionar a estratégia para tirar o melhor proveito das informações.

Outra função importante do novo líder de marketing é a criação de sinergia com outras áreas do negócio, especialmente a TI. Com uma interseção cada vez maior entre as duas áreas, o CIO deve ser um parceiro próximo, entendendo que também tem um papel a cumprir na otimização das estratégias de tecnologia voltadas para o consumidor.

 

Como o cliente deve ser tratado no novo marketing?

Frederico: Na medida em que novas ferramentas e possibilidades vão se consolidando, entender o cliente deixa de ser uma arte e passa a ser uma ciência. Menos intuição, mais informação. Com o marketing orientado por dados, há a possibilidade de conhecer o seu consumidor como nunca antes. Experiências centradas em mobile, wereables, internet das coisas e outros pontos de contato com o cliente podem proporcionar um oceano de dados úteis para o negócio. No entanto, se não forem bem utilizadas, essas informações se tornam facilmente um tsunami, inundando as estratégias sem alcançar os objetivos desejados.

 

Na sua opinião, quais são as perspectivas para a área?

Daniela: Pesquisa da consultoria Gartner aponta que em 2017 os gastos da área de Marketing com tecnologia deverão alcançar o orçamento da área de TI para a mesma rubrica dentro das empresas. Nos próximos anos, irão ultrapassar. A pesquisa foi feita com companhias norte-americanas e inglesas, mas essa é uma tendência irreversível que também chega ao Brasil. Em estudo conduzido pela Forbes Insight apenas 14% dos CMOs disseram que suas organizações têm atualmente as ferramentas integradas de análise e planejamento necessárias para fundamentar suas atividades de marketing nos insights obtidos através do marketing baseado em dados.

 

quais são as perspectivas para a Maio Marketing?

Frederico: A Maio oferece serviços e tecnologias especializados de marketing e tem como pilares o Data Driven Marketing, Customer Experience e Martech. Nossa empresa foi fundada em 2012 e possui parceiros de renome internacional, como a Oracle e a Serasa Experian, e desenvolve projetos para grandes empresas como ALE Combustíveis, Fundação Dom Cabral, BDMG, Grupo Anima e outros.

Temos muito a contribuir com a área, inclusive, acabamos de lançar um novo site institucional, com conteúdo composto por blog e artigos próprios, que tratam sobre o novo marketing (www.maiomarketing.com.br).

 

 

Comentar
Deixe Sua Resposta

Comentar

* = Preenchimento obrigatório
Nome *
Email *
Mensagem *
 

Últimos Comentários

Nenhum comentário ainda.
Publicidade